Segunda-feira, 9 de Setembro de 2013



Depois do PM vir dizer que essa treta da Constituição e do estado de Direito não paga as contas, vem um gajo, que nas horas vagas da missa faz de conta que é economista, dizer que nós temos é de ganhar juízo e deixar de ter manias que temos direito a aspirar o mesmo que Franceses e Alemães. Pois é, temos mesmo de parar de querer ter carros e televisões e pôr-nos é a trabalhar, de preferência em Ditadura, diz-se por entre as linhas. "A tua política é o trabalho, trabalhinho, porreirinho da Silva" já bem diz o José Mário Branco!

Trabalha mas é e deixa-te de merdas, depois logo se vê "quem se vai abotoar com os 25 tostões de riqueza que tu vais produzir amanhã nas tuas oito horas"... Porque disso podes ter a certeza: se alguém quer um povo "pacato e trabalhador, poupado e prudente", na miséria e sem aspirações, sem futuro e sem direitos… É porque alguém se quer abotoar com a riqueza que tu produzes…

 



publicado por Gonçalo Clemente Silva às 22:08 | link do post | comentar

Catarina Castanheira

Fábio Serranito

Frederico Aleixo

Frederico Bessa Cardoso

Gabriel Carvalho

Gonçalo Clemente Silva

João Moreira de Campos

Pedro Silveira

Rui Moreira

posts recentes

Entre 'o tudo e o nada' n...

Le Portugal a vol d'oisea...

Recentrar (e simplificar)...

Ser ou não ser legítimo, ...

O PS não deve aliar-se à ...

(Pelo menos) cinco (irrit...

Neon-liberais de pacotilh...

Piketty dá-nos em que pen...

Ideias de certa forma sub...

Ideias de certa forma sub...

arquivos

Janeiro 2016

Outubro 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012