Quinta-feira, 17 de Outubro de 2013

Mário Soares tem um percurso que fala por si. Nele percorreu grande parte da história do séc. XX português, e ainda marcou esta primeira década e meia do XXI. Desde cedo combateu o autoritarismo, o fascismo, a arbitrariedade desse poder, as injustiças e a miséria a que esse poder execrável votou o povo português.


Mesmo para quem a Democracia nada diz, a ele se deve a sua devolução e fortalecimento. Felizmente não foi o único a contá-la, infelizmente nem todos conseguiu trazer a ela.


Agora, que a Democracia pouco mais é que uma formalidade, e o país volta à miséria e pobreza, que alguns escolhem como virtude inspiradora, vale-nos novamente Mário Soares, a reposicionar as questões essenciais do país, as da dignidade humana.


Na sua intervenção cívica, não dá descanso, é certo. Que continue a não dar, a quem dele não merece. Toma partido. É assim que dita a conduta de um homem correto. Coloca-se do lado dos mais fracos e vulneráveis. A cobardia é o papel da cobra e do abutre.


Parecerá este um texto de defesa de Mário Soares. Admito que possa parecer, mas de facto não é necessário, e nem o próprio o precisa fazer.

 



publicado por Gabriel Carvalho às 20:33 | link do post | comentar

Catarina Castanheira

Fábio Serranito

Frederico Aleixo

Frederico Bessa Cardoso

Gabriel Carvalho

Gonçalo Clemente Silva

João Moreira de Campos

Pedro Silveira

Rui Moreira

posts recentes

Entre 'o tudo e o nada' n...

Le Portugal a vol d'oisea...

Recentrar (e simplificar)...

Ser ou não ser legítimo, ...

O PS não deve aliar-se à ...

(Pelo menos) cinco (irrit...

Neon-liberais de pacotilh...

Piketty dá-nos em que pen...

Ideias de certa forma sub...

Ideias de certa forma sub...

arquivos

Janeiro 2016

Outubro 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012